Durante a Delve, Empyrian foi parte do time que liderou a Delve até profundezas obscuras da Mina de Azurita. Junto a streamar suas aventuras, eles também atingiram vários marcos como ser o primeiro grupo a atingir a profundidade 3,000. Nós o entrevistamos para saber um pouco mais sobre sua vida de streamer e como seu time conseguiu essas façanhas.

Olá Empyriangaming, obrigado por participar da entrevista! Por favor se apresente.

Olá, eu sou o Empyrian, tenho 28 anos e sou um streamer em tempo integral da Hungria. Eu também faço alguns destaques de coisas divertidas que acontecem na stream para o canal YouTube.

Há quanto tempo você faz streams? Como começou?

Eu já streamo fazem quase 4 anos. Consegui minha parceria com a Twitch 44 mêses atrás, após conseguir rank 1 na liderança em grupo do Diablo 3 (assim como algumas jogatinas solo de Bárbaro no começo). Inicialmente comecei a streamar nossas raids no Wildstart para que pudéssemos ver em que estávamos errando quando morríamos, mas aí a a 1º temporada do Diablo começou e eu comecei a pegar 5-30 viewers e pensei que aquilo poderia ser algo maior.

O que as pessoas podem esperar da sua Stream? Que tipo de cronograma você segue?

Geralmente jogo Path of Exile por um mês ou dois em cada liga e streamo jogos variados por um mês ou dois depois. Eu não tenho uma programação muito certa, mas geralmente tento streamar nas tardes/noites em horário Europeu, algumas vezes indo até tarde da noite e então geralmente acabo arruinando meu sono e streamo em horário dos EUA para corrigir :D

Como e quando você ficou sabendo sobre o Path of Exile?

Vi o Path of Exile a primeira vez na stream do Kripparian mas estava investindo demais em jogar outros jogos com amigos e não dei a devida atenção ao jogo. Alguns anos depois retornei e joguei na liga Nemesis no Hardcore e morri no Ato 2 para um monstro raro de Sangue Corrompido. Mais alguns anos depois após jogar 7 temporadas e meia de Diablo 3 eu precisava mudar. Após jogar a última semana da liga Essence e tentar aprender o básico do jogo, comecei na liga Breach "devidamente", 2 anos atrás. Tenho jogado (e transmitido) mais de 4000 horas desde então.

Qual foi o momento que te prendeu ao jogo?

Eu não acho que tenha sido um único momento, mas sim a descoberta constante de novos sistemas do jogo e aprender como tais sistemas interagem uns com os outros foi um ótimo processo. (Usando orbes que você encontrou no chão para modificar o 'endgame' que você está jogando, por exemplo.) Junto isso, o fato de que a qualquer momento você pode encontrar algo extremamente raro e caro que poderia comercializar e/ou usar para equipar novos personagens foi bem empolgante para mim.

Quais são os melhores destaques do seu tempo transmitindo o Path of Exile?


Durante a Delve, você foi parte de um grupo que chegou ao topo da liderança e atingiu vários marcos. Qual foi o momento mais memorável dessa aventura?

Todo o nosso grupo sendo demolido por um único Logo da Neve na profundidade 1269, que de alguma forma acabou sendo o clip número 1 do Path of Exile de todos os tempos.

Qual foi a contribuição do seu grupo no seu sucesso na Delve - tanto na gameplay quanto te manter motivado?

Eu gosto de jogar Action RPGs em grupo com a mentalidade de trabalhar junto para atingir um objetivo, deixar qualquer outra coisa que precisamos fazer de lado para atingir aquele objetivo da forma mais eficiente possível. Jogar Path of Exile assim com o grupo ao qual me juntei para a Delve tem sido uma das experiências com jogos mais satisfatórias da minha vida. Isso nos manteve motivados todos os dias e com certeza foi um esforço em grupo. Grande salve pro meu grupo, fico feliz em ter conhecido cada um de vocês e sou grato que nossos interesses se alinharam de forma tão parecida nessa liga!

Quanto planejamento foi investido na sua estratégia inicial para a Delve?

Nós tivemos algumas sessões de treinamento para que pudéssemos nivelar de forma eficiente e nossos planos era farmar o máximo de itens monetários possíveis na primeira semana (o que foi a parte mais importante da liga) para que pudéssemos gastar o resto do tempo nos focando nas escavações. Alguns dos membros do grupo já haviam jogado juntos em ligas anteriores, então nós fazíamos ideia de quem iria jogar com qual build. Delves, no entanto, continuavam a nos desafiar na medida em que íamos mais e mais fundo, então tínhamos que nos ajustar todos os dias.

Como era seu cronograma diário enquanto estava correndo pela liderança?

Após a primeira semana onde as pessoas pegaram folgas e usaram o fim de semana pra jogar 16 horas por dias, nós voltamos aos nossos dias normais e jogamos 4-8 horas quando todos estavam disponíveis. Todo o tempo foi usado para correr nas Escavações e farmar sulfito para tais Escavações o mais rápido possível.

Fora essas horas quando todos podiam jogar, nós ficávamos no Discord por 1-4 horas por dia e falávamos sobre e testávamos quais outras modificações de builds poderíamos testar e fazer para facilitar as descidas. Essas 'seções de teorização' costumava ser algo que eu nunca me importei no passado, mas nessa liga senti que impactou diretamente o nosso gameplay e eu comecei a gostar muito delas.

O que você mais gostou sobre a Liga Delve?

O fato de que existe uma razão para otimizar ainda mais seu personagem além de matar tudo com um golpe só em mapas de Tier 16 foi bem empolgante. Ter múltiplas opções para progredir através das Escavações escolhendo rotas diferentes (ao invés de abrir uma chave de fenda aleatória e esperar por um bom loot no estilo do sistema do Diablo 3) foi bem renovador.

Quais os aspectos mais difíceis da Liga Delve?

Infelizmente nosso bloqueio era, em sua maioria, problemas com o servidor/instâncias. Tivemos que fazer nosso caminho ao redor de Emissários, Perandus e um tipo de encontro Abismal porque após lutar por alguns minutos a instância caía todas as vezes. Boas notícias pra todos os outros, esses problemas foram corrigidos no dia depois que atingimos 3000 (completamente compreensível, eles apenas afetavam algumas poucas pessoas abaixo da profundidade 1000).

Streaming é o seu trabalho integral? Se sim, o que você fazia antes de trabalhar só com streams?

Sim, eu venho trabalhando com isso em tempo integral por quase 4 anos. Antes disso eu trabalhava online com marketing afiliado, assim como pegava alguns 'jobs' pequenos estudantis durante a universidade. Cursei Inglês na escola (tradução/interpretação menor) mas não terminei meu curso.

Quais hobbies e interesses você possui fora streaming?

Criação de conteúdo toma quase todo meu tempo, mas minha opinião é que essa é a consequência por ter um 'trabalho' que eu realmente gosto de fazer. Quando consigo algum tempo, uso ele para assistir filmes de ficção científica e programas na TV e descubro novas músicas também.

Como sua vida mudou de antes de começar com a stream até agora? Qual foi o papel da Stream nessa transição?

Eu não mudei muito quando se trata de jogar vídeo games por muito tempo, mas compartilhar a experiência com outros e interagir com centenas (às vezes milhares) de pessoas diariamente faz com que isso seja muito mais interessante e satisfatório. Você nunca sabe quais memes vai ler no dia seguinte no chat da Twitch ou nos comentários do Youtube.

Se você pudesse dizer uma coisa que todo jogador de Path of Exile deveria ouvir, o que seria?

Não é possível sustentar mapas e não deixe ninguém te dizer o contrário. Invista mais neles e você conseguirá mais retorno.

Existem vários novos streamers tentando progredir na comunidade do Path of Exile. Qual conselho você daria para eles?

Encontre seu nicho e divirta-se. Existem muitas formas de jogar o Path of Exile. Encontre o que é mais divertido pra você e se divirta com aquilo. Em minha opinião poucas pessoas assistem Path of Exile puramente pelo jogo, então existe muito espaço para sua personalidade brilhar desde que você tenha algo semi-interessante de fundo.

Existe algum outro streamer que você gostaria de falar sobre?

Meus amigos de grupo e DPS nessa liga, Dahun costumava ser pro no Overwatch e agora transmite Path of Exile e outros jogos. Sempre uma stream tranquila. Também meu amigão Faye, jogamos vários jogos juntos nos últimos anos e tenho certeza que jogaremos muito mais no futuro.

Você tem projetos no horizonte que gostaria de compartilhar com a comunidade?

Eu vou jogar um monte de jogos diferentes nas próximas semanas até a próxima liga do Path of Exile, incluindo mas não limitado à Borderlands 2, Divinity 2, Dying Light e mais.

Eu utilizo meu Twitter como mídia social e não uso demais também, então se quiser saber quando vou estar ao vivo ou enviei um novo vídeo ou qual jogo vou jogar em seguida, esse é o lugar pra olhar.

Eu também edito meus próprios destaques para o Youtube, então se algo especial acontecer na stream, provavelmente vai acabar lá para aquelas pessoas que não tem tempo para assistir as streams ao vivo.

Muito obrigado por tirar um tempo para ler isso, estou muito feliz de estar fazendo o que estou e sou grato pela oportunidade de participar de uma entrevista oficial! -͜ -

______________ Muito obrigado por participar da entrevista! Parabéns à você e os membros do seu grupo pelo sucesso no Path of Exile: Delve!
Postado por
em
Grinding Gear Games
Gente o correto é "Faz quase 4 anos..." e não "Fazem...."

Reportar Post do Fórum

Reportar Conta:

Tipo de Reporte

Informação Adicional